Mais Um Verso De Amor

raissa

Por que falamos tanto em amor
Se não amamos de verdade?
Isso só nos causa dor
Sucumbindo à vaidade
Sobre o amor tanto já li
Livros, histórias, poesia
Nada novo aprendi
Apenas do que já sabia
Pra tudo se cria padrão
Até sobre como amar
Não dá pra controlar o coração
Sentimento é um grande mar
Sempre busquei sentir mais
Mergulhei fundo nesse universo
Meu barco estava no cais
Falei de amor como único verso
Raissa Muniz
Anúncios

Eu e Você

images
Você sempre esteve comigo, na saúde e na doença, na alegria e na tristeza, nas festas ou no meu sofá da sala de estar, na correria ou nas conquistas. Pra você não importava se eu estava duro ou cheio da grana, se eu era preto de mais pra ser branco ou branco de mais pra ser preto, se o rolê era de carro ou de busão, você sempre fechou comigo.
Eu nem sempre estive com você, sempre estava ocupado de mais pra olhar pra você, pra enxergar tudo que fez por mim. Quando eu estava doente você cuidou de mim, Eu nem me lembro se você adoeceu alguma vez, quando fiquei triste você me fez sorrir e tratou de me alegrar dizendo que tudo iria ficar bem, eu nem sei se você chorou alguma vez na vida, você me acompanhava nas baladas que nada tinha a ver com você, se eu quisesse ficar em casa até pipoca você fazia e colocava um filme de romance só pra me agradar, eu? Ham, eu sempre fiz você ir embora das suas festas mais cedo porque eu não ia com a cara dos seus amigos, seus filmes? Eu sempre dormia antes da metade, você me incentivou a correr atrás dos meus sonhos e vibrou com minhas conquistas, eu como sempre ocupado com meus objetivos nem vi que você atingiu 90% dos seus e eu não lembro se quer quais eram, você me quis quando eu andava de bike, quando eu só tinha o da pizza do deizão e quando todos falavam da minha cor você me defendia, eu? Quando você não tinha mais nada a me oferecer eu te larguei.
Zarlan Ventura (Big Z ). 

Feridas

aaa

Hoje me perguntaram por você, perguntaram por nós, pelo nosso velho amor. Você é aquela velha ferida que sempre é reaberta antes de cicatrizar totalmente; e toda vez que penso estar quase curada, alguém me vem com perguntas que reabrem essa dor.

Me perguntam se ainda sinto algo – claro que sinto, e sempre vou sentir. Outros ainda mais cruéis dizem achar que você ainda sente (isso é tão cruel). Quando as pessoas irão entender que sentimento alheio é coisa que não se deve mexer?

Esses comentário me machucam, ainda mais quando se trata do homem que teve de mim os sentimentos mais profundos, sinceros, intensos e puros.

Você seguiu, fez bem. Eu parei e fiquei olhando até você sumir. Até agora estou aqui, parada na rua dos sentimentos, assustada, esperando que alguém me dê uma carona e me tire daqui. Mas parece que permanecerei aqui sentada, esperando por um longo tempo, ainda cuidando dessa ferida que não sara.

R. Muniz

 

Ps.: Aqui é escuro e frio desde a sua partida, e isso tem atrasado minha cura.

Sua História

554622-1280x800-Lovers

Todos os dias pessoas passam pela sua vida, mas raramente você sente que vale a pena.

Está esperando demais pra viver grandes histórias, enquanto pequenos momentos esperam por sua coragem.

Junte quantos “pequenos momentos” você julgou não valer a pena, por medo de se arriscar. Se juntar cada um desses momentos, verá que perdeu pequenos capítulos de uma história incrível… A sua!

Não tenha medo. Construa uma grande história, não espere que os outros te entreguem o roteiro que você deve viver.

R. Muniz

Vassalo

vassalo

Pouco fazemos dieta

Muito falamos, é a bola da vez

Mas no amor não vivemos de merreca

Pouco importa agora o que eu fiz, o que cê fez

Foi pouco tempo, o fim foi duro

Pouco caso, muito cinismo

Me diz agora, qual foi seu lucro?

Era seu objetivo, tipo onda de capitalismo

Te jurei fidelidade como um vassalo

Com superioridade me dominou

Meu benefício era amá-lo

De um grande precipício me derrubou

Era um nobre cavalheiro, só no meu sonho

Gentil, amigável, pura nobreza

Ao seus caprichos e vontade me exponho

Sarcasmo e egoísmo são a sua natureza.

 

R. Muniz

Mal Necessário

andando-sozinha

Sempre foi difícil, nunca pensei que seria fácil. Tantas idas e vindas sem muitas mudanças. Tornou-se um ciclo vicioso, e como todo vício, tornou-se necessário. Uma necessidade incontrolável, um vício irresistível, que o passar do tempo só aumentou.

Dizem que o tempo traz consigo a experiencia, e com a experiencia se aprende a viver, torna-se mais sábio. Mas não foi assim no meu caso, não com você. Pois nós nunca fomos verdade, também não fomos mentira; fomos uma série de desencontros, e no fim eu sempre estive só. Apenas eu, e nunca houve ‘nós’ quando precisei.

Eu precisei de um apoio, de um abraço, um beijo, precisei que você ficasse pra me segurar pela mão e caminhar comigo. Seria uma longa estrada e um caminho seguro. Agora tem sido ainda mais difícil, a estrada está mais tortuosa e o caminho mais escuro a medida que sigo sozinha.

Estou seguindo sozinha porque muitas pessoas passam por mim, mas neste caminho tão escuro não consigo olhar nos olhos de ninguém, e ninguém me olha, ninguém nota o quanto necessito, ninguém me dá a mão e nenhum ser é capaz de me dá segurança.

Esse mal nunca deixou de ser necessário, ninguém me faz esquecer a dor e o bem que me fez, pra que eu possa seguir firme. Nenhum tropeço me fortaleceu e todo esse tempo não me tornou mais sábia.

Só estou mais presa a você , o que me mata e me atrai. Um vício, uma necessidade, me faz mal e eu sigo em busca da cura. Todo mal tem o bem pra combater, então o mal que me faz há de ser sanado – um dia.

R. Muniz

Quebrar Os Padrões

issa blog
De tempos em tempos você para e pensa no que tá fazendo da vida. Parece que estamos constantemente querendo encontrar um sentido, uma razão. Nada demais né? É natural querer saber o rumo que tá tomando, ter segurança no que vai fazer, nas decisões…
Mas o grande problema hoje, é que estamos constantemente tentando encontrar sentido e razão pra amar. Paramos de amar pelo que o amor é. Queremos amar com objetivo, com segurança, com a razão. (tenho tentado fazer isso, não nego) Quer saber? Isso não funciona no amor, nos relacionamentos. Não deveria haver motivo pra gostar, pra sentir saudade, pra dizer “você faz falta aqui”.
O sentimento e a razão estão em uma luta intensa e constante dentro de mim, e quem sempre perde sou eu.
Estamos sempre pensando no que a sociedade tem nos imposto, e levamos essa preocupação pros relacionamentos. Já parou pra pensar nos grandes romances? Já parou pra olhar aquele casal super apaixonado que passa na sua rua? Eles são o tipo padrão da sociedade? Não né!? É que eles simplesmente amam, e estão se lixando pro que você vai pensar. Os felizes e apaixonados não se preocupam em seguir padrões, afinal, eles amam. Apenas.
Não se trata de uma troca de interesses e benefícios(isso você procura em um emprego). Se trata de trocar carinho, confidência, sentimento, cuidado, amor. É mais do que o dinheiro pode comprar. É mais do que pontos em comum. É mais do que aquela velha desculpa de que “vocês não tem nada a ver”.
É amar, é viver uma grande história. É arriscar. É sorrir ao lado da pessoa. É ter assunto sei lá de onde. É aceitar os pensamentos do outro, mesmo que não o entenda. É pedir pra ficar quando se quer partir. É lutar contra tudo em favor do que sente.
Não, não é nada disso. Isso também é padrão.
Raissa Muniz